2015 Julho - ATA ABVO

Transparência ABVO / Atas

77 visualizações
0 Gostos
0 0

Share on Social Networks

Partilhar Hiperligação

Use permanent link to share in social media

Share with a friend

Por favor iniciar sessão to send this document by email!

Embed in your website

Select page to start with

5.   1 3 .0   Seminário   Internacional   de   medição   (CBVela).         De   acordo   com   o   coordenador   da   classe,   Luis   Moriel,   não   houve   interessados   representantes   da   MOCRA   na   participação   do   curso.   A   ABVO   possui   recurso   de   R$   1440   para   essa   iniciativa.         14.0   Estratégias   de   divulgação   e   marketing     Cuca   sugeriu   que   notícias   importantes   podem   ser   encaminhadas   por   SMS.   Ele   utilizou   esse   tipo   de   serviço   recentemente   e   houve   divulgação   rápida   e   eficiente   da   informação.   Sugeriu   que   a   ABVO   pudesse   utilizar   esse   tipo   de   serviço   para   alguns   informativos   pontuais   e   importantes.       15.0   Prêmio   transitório   brasileiro   ORC     Cas aes   expressou   preocupação   quanto   ao   prêmio   transitório   ABVO   de   posse   da   equipe   uruguaia   Cristabella.   Paulo   irá   mandar   modelo   de   carta   ao   Cuca,   qu e   por   sua   vez   ficou   encarregado   pelo   envio   da   carta   de   responsabilidade.       16.0   Próximas   reuniões     Christina   expressou   preocupação   quanto   à   marcação   anteci pada   das   próximas   reuniões. .   Ficou   agendada   próxima   reunião   para   a   semana   do   dia   14   a   20   de   agosto,   durante   o   evento   "aqu ece   Rio",   pois   haveria   uma   maior   participação   de   representantes   de   outros   estados .           Paulo   Freire   30/07 /2015    

1. Ata   da   reunião   da   equipe   ABVO   • Data:   30/07 /2015 • Local:     ICRJ   • Horário:   Das   18h30   às   21h00   Presentes:   • Adalberto   Casaes -­‐   1o   Vice -­‐ Comodoro • Paulo   Freire   –   Dir   Administrativo • Christina   Frediani   –   Dir   Financeira • Roberto   Geyer   –   Coordenador   regra   Clássicos •               Cuca   Sodré   -­‐   Coordenador   São   Paulo •               Horácio   Camargo -­‐   Coordenador   regra   ORC •               Ann     Viebig -­‐   Secretária   ABVO •               João   Marcos   Almeida -­‐   Conselho   Fiscal     Os   assuntos   da   pauta   foram   discutidos   conforme     abaixo:   1.0   Atualização     de   medidores   ABVO   Horácio   Camargo   sugeriu   realização   do   treinamento   no   Rio   de   Janeiro,   2   dias   antes   do   Circuito   Rio.   Ele   se   considera     em   condições   de   ministrar   o   treinamento.   Foi   mencionado   pelos   presentes   sobre   a   eventual   necessidade   da   presença   do   Nico la   Sironi   ,   medidor   chefe   da   ORC ,   para   dar   mais   peso   ao   evento.   Horácio   opinou   que   neste   momento   não   h averia   necessidade   de   utilização   do   recurso   da   ORC   para   a   vinda   do   Nicola   ao   Brasil.   Paulo   lembrou   que   em   novembro   haverá   reunião   da   ORC   na   Ch ina,   podendo   ocorrer   conflito   na   agenda   do   Nicola .   Cuca   sugeriu   programar   visita   do   Nicola   no   primeiro   trimestre   de   2016.   Christina   mencionou   que   a   ABVO   poderia   custear   até   R$   4000,00   do   evento,   se   necessário.     Horácio   vai   confirmar   data.     2.0   Cômputo   de   resultados   em   regatas   oceânicas     Discutido   pelos   presentes   a   baixa   utilização   do   programa   Cyber   Altura   para   côm puto   dos   resultados   das   regatas   ORC, RGS, IRC ou MOCRA ,   normalmente   feitos   em   planilhas   Excel.   Cuca   se   colocou   à   disposição   da   ABVO   para   trei nar   pessoal   dos   clubes   do   Rio   na   utilização   do   software.   Cuca   sugeriu   que   o   t reinamento   poder ia   ser   feito   dois   dias   antes   d o   Circuito   Rio.   Precisamos   coordenar   com   a   Diretoria   de   Vela   do   ICRJ   a   cessão   de   sala   e   a   liberação   do   pessoal   para   treinamento.    

3.   ü Diário s   de   Bordo   dos   barcos   superou   as     expectativa s   e   deve   ter   premiação   melhorada     No   próximo   ano   a   regata   de   Alcatrazes   deverá   voltar   para   ter   largada   no   Domingo ,   mantida   a   folga   na   segunda   feira,   conforme   anos   anteriores     Cuca   irá   sugerir   ao   YCI   a   criação   de   um   Conselho   Consultivo   para   ajudá -­‐ los     na   formatação   do   evento ,   que   atingiu   um   grande   porte   e   complexidade .         O     Gerenciamento   das   regatas     na   semana   de   vela   foi   elogiado   por   todos   ,   principalmente   por   conta   d as   condições   de   vento   ocorridas   durante   o   ev ento.       6.0   Status   Financeiro       Christina   informou   sobre   o   status   financeiro   da   ABVO   em   30/07/2015 .     Receitas   2015   até   30/07/2015:   R$   83.452,35   Despesas   2015     até   30/07/2015   +   provisão   de   despesas   até   31/12/2015:   R$   R$   79.261,89.       7.0   Processo   de   cobrança   de   certificados   e   balanças     Christina   informou   sobre   a   ne cessidade   de   a linhamento   do   processo   de   cobrança   de   aluguel   de   balança   e   emissão   de   certificado .   Sugestão   de   criação   de   view   no   Banco   de   dados   da   ABVO   para   integração   da   cobrança   do   aluguel   da   balança   à   emissão   do   certificado,   pois   a   emissão   dos   certificad os   IRC   só   poderá   ser   feita   após   pagamento   do   certificado   e   balança.   Será   solicitado   orçamento   de   TI   para   melhoria   dessa   interface   entre   financeiro,   administrativo   e   coordenadores   das   regras.         7.1   Relação   de   barcos   em   atraso   com   certificados   e   /   ou   pesagem     Christina   e   Ann   apresentaram   relação   dos   barcos   em   atraso   e   o   plano   de   ação   para   recebimento   dos   valores .   Alguns   casos   são   de   barcos   com   certificados   IRC   que   se   recusam   a   pagar   os   mesmos ,   apesar   da   ABVO   já   ter   efetuado   o   pagamento   à   UNCL.   ü     Dessa   forma,   foi   decidido   que   tais   barcos   com   pendência   de   pagamento   do   certificado   IRC     ou   aluguel   de   balança   não   terão   novas   emissões   de   certificado   IRC   ou   ORC   até   quitação   do   passivo.       8 .0   Santos   Rio   Rastreamento     Cuca   mencionou   qu e   aguarda   orçamento   da   Spot   de   sistema   de   rastreamento   dos   barcos   que   irão   participar   da   regata   Santos   Rio.     Os   barcos   que   não   possuem   poderão   adquirir   com   desconto,   ou   al ugar   dispositivos   para   os   mesmos.  

4. Ele   relatou   a   atual   dificuldade   dos   clubes   em   assumir   quaisquer   custo s   rel ativos   ao   sistema.     Chris   ponderou   que   a   ABVO   pode   arcar   com   parte   do   custo,   como   o   soft w are   de   rastreamento   ,   por   exemplo.   Enfatizou   também   que   existe   uma   preocupação   da   ABVO   com   a   segurança   dos   participantes,   tomando   como   exemplo   a   última   REFENO,   onde   ho uve   um   naufrágio   e   a   tripulação   foi   salva   pois   o   barco   estava   sendo   ras treado.   Foi   lembrado   que   em   2013   a   iniciativa   de   rastreamento   na   Santos   Rio   2013   foi   um   sucesso.   Na   época,   a   ABVO   pagou   integralmente   a   iniciativa,   com   aluguel   d os   spots   ao   custo   de     R$   7000 .   Apesa r   de   ser   um   avanço   com   relação   à   segurança   e   visibilidade   do   evento   deverá   ser   feito   trabalho   de   convencimento   dos   clubes   por   parte   da   ABVO.     Chris   ficou   de   contatar   o   ICRJ.       9 .0     Campeonato   Brasileiro   de   IRC   /   Circuito   Rio         O   troféu   de   C ampeão   Brasileiro   da   IRC   será   patrocinado   pela   ABVO,   havendo   verba   de   até     R$   4 000,00   alocadas   para   tal.   Ann   mencionou   custo/benefício   de   troféu   em   estanho   e ntregue   em   Ilhabela   ao   Campeão   da   ORC .   Chris   ficou   de   encomendar   o   Troféu   ,   baseado   na   indicação   da   Ann   e   do   Cuca.       10 .0   BRA   RGS     Conforme     mail   do   Sr   Valdir   Petersen   o   Sr   Martin   Bonato   é   o   novo   Presidente   da   BRA   RGS.       Contato:     mbonato01@gmail.com     Christina   sugeriu   programa   de     e stímulo   aos     barcos   da   RGS   para     colocarem   numeral   nas   velas,   buscando   a   formalização   e   associação   à   ABVO.   A   ABVO   poderia   reduzir   o   valor   emissão   do   numeral.   Horácio   vai   verificar   junto   à   Olimpic   preço   especial   de   numerais   para   o   programa   da   ABVO       Curso   RGS   na   Bahia:   Havia     intenção   de   curso   a   ser   ministrado   pelo   Alexandre   Martinho.   No   entanto,   não   houve   ainda   acordo   de   data   para   a   realização   do   curso.   Pato   questionará   o   Alberto   Vita   sobre   a   organização   do   curso.       1 1 .0   Portal   do   Associado     Foi   apresentado   novo   Portal   do   Ass ociado     no   site     www.abvo.org.br     O   novo   Portal   busca   facilitar   o   acesso   dos   associados   aos   dados   pessoais   e   da   sua   embarcação   no   site.         1 2 .0   Depositório   de   fotos   no   website   da   ABVO       Ann   informou   que   houve   solicitação   de   um   associado   para   inclusão   de   banco   de   dados   de   foto   de   cada   barco.   Nesse   sentido,   será   solicitado   orçamento   para   essa   melhoria   dentro   do   website.    

2.   3.0   –   IRC   definições     Discussões   não   ocorreram   devido   à   ausência   do   Pierre   Joullie   que   está   viajando.     4.0 -­‐     ORC     Foi   comentado   por   Adalberto   Casaes   a   situação   de   vários   barcos   que   possuem     Certificados   ORC   2015   e   que ,   no   entanto,   não   foram   pesados.   Horácio   mencionou   que   havia   entendido   que   a   obrigação   de   pesagem   seria   só   para   2016,   pois   não   poderia   emitir   e   cobrar   novos   certificados   dos   barcos   que   já   os   possuem.     Paulo   esclareceu   que   falta   pesar   um   nú mero   reduzido   de   barcos   do   Rio   de   Janeiro,   pois   a   grande   maioria   já   o   fez.   Entretanto,   h á   a     necessidade   de   se   programar   o   envio   da   balança   para   pesar   as   embarcações   de   São   Paulo,   Santa   Catarina   e   Rio   Grande   do   Sul.   Para   esse   fim,   f az   se   necessário   um   esforço   concentrado   d o   Medidor   Chefe ,   com   o   apoio   dos   Coordenadores   Regionais   da   ABVO.     Cuca   lembrou   que   barcos   de   outros   estados,   que   forem   competir   no   Circuito   Rio,   podem   pesar   em   Santos.     A   ABVO   deverá   emitir   Nota   Técnica   exigindo   a   pesagem   para   aferição   do   de slocamento   nos   certificados   ORC   para   certificados   que   vierem   a   ser   emitidos   pela   1 a   vez   em   2015   e   todos   os   certificados   válidos   para   2016 ,   de   forma   a   respaldar   exigência   do   Medidor   Chefe.     Após   pesagem   e   emissão   de   certificado,   qualquer   alteração   no   bar co   que   possa   influenciar   o   peso     invalida rá   o   certificado,   sendo   necessária   nova   pesagem.   Excepcionalidades   deverão   ser   encaminhadas   à   comissão   técnica   da   ABVO   em   conjunto   com   o   medidor   chefe   da   ORC   no   Brasil.     Paulo,   Cuca   e   Horácio   farão   revisão   dos   termo s   da   nota   a   ser   emitida.     5.0   Ilhabela   Sailing   Week   2015     Na   avaliação   do   evento   deste   ano   Cuca   considerou   positivos   os   seguintes   fatos:       ü A   entrada   dos   Veleiros   Clássicos   na   competição   agradou   o   clube,   velejadores   em   geral   e   o   público   presente   na   Ilha   ü A   volta   da   categoria   Bico   de   Proa   trouxe   novos   barcos   e   diversidade   de   velejadores.   ü Para   2016   há   previsão   de   exclusão   da   RGS   Cruiser     ü Desfile   dos   Barcos   foi   um   sucesso   junto   ao   público.   D eve rá   ser   mantido   e   aprimorado .   Christina   enfatizou   o   sucesso   dessa   ini ciativa   na   St.   Martin   Heinecken   Regatta,   onde   um   grupo   de   terra   dá   nota   aos   barcos.   A   nota   é   dada   em   função   da   descontração,   organização   e   uniforme,   onde   o   barco   mais   votado   no   dia   era   chamado   ao   palco   das   festas   do   evento.   Cuca   informou   que   a   organização   da   ISW   vai   amadurecer   a   ideia   do   desfile,   de   forma   a   dar   mais   publicidade   ao   evento.

Visões

  • 77 Total de Visualizações
  • 57 Visualizações Website
  • 20 Embedded Views

Ações

  • 0 Social Shares
  • 0 Likes
  • 0 Dislikes
  • 0 Comentários

Share count

  • 0 Facebook
  • 0 Twitter
  • 0 LinkedIn
  • 0 Google+

Embeds 3

  • 1 abvo.popsolutions.com.br
  • 1 www.autonomialiteraria.com.br
  • 2 www.dicksail.com.br